Palmeiras inicia regressiva do centenário no caminho certo

Padrão

Nobre

O Palmeiras completou 99 anos de sua gloriosa história na última segunda-feira. E o Verdão inicia a contagem regressiva para o centenário no caminho certo dentro e fora de campo.

Dentro de campo, apesar da derrota contra o Boa Esporte, o Palmeiras lidera com sobras a Série B, com uma diferença confortável de 11 pontos para o quinto colocado. Afinal de contas, o que interessa é classificar para a Série A, seja em quarto ou no primeiro lugar.

Após contratar a torto e a direito e chegar até a ter problema de falta de espaço no vestiário para tanta gente treinar na Academia de Futebol, o Palmeiras aos poucos se livrou de quem queria e montou um elenco em condições de ganhar a Série B com sobras e dar trabalho na Copa do Brasil.

O Palmeiras talvez seja o time entre os grandes paulistas com melhor padrão tático, o que é mérito do técnico Gilson Kleina e da diretoria de futebol, por mantê-lo mesmo após a queda para a Série B. Valdivia voltou a fazer bons jogos, e Alan Kardec se mostrou muito útil para o Verdão.

Fora de campo, a gestão Paulo Nobre tem a boa preocupação de equacionar as finanças do Palmeiras e novamente ganhar o respeito do mercado quando voltar a se tornar um bom pagador. A Arena Palestra, grande sonho dos torcedores, está cada vez mais perto de se tornar realidade, e deve ajudar muito na obtenção de renda extra para o pagamento dos compromissos.

Mas o que tem me chamado mais atenção é o clima ‘tranquilo’ (em se tratando de Palmeiras) na política do clube. As diferentes correntes políticas do Verdão tem dado um pouco de tranquilidade a Paulo Nobre para trabalhar.

Claro que nem tudo são flores. Essa ânsia desenfreada por cortar gastos fez a diretoria ter algumas decisões equivocadas, a meu ver, como a vontade (não concretizada, diga-se de passagem), de repassar Wesley por conta do seu alto salário, no momento em que o volante vive a sua melhor fase com a camisa do Verdão. A atitude de querer cortar a verba para alguns esportes tradicionais do clube também me pareceu equivocada.

Porém, o cenário que se vê hoje é muito melhor que do ano passado. O Palmeiras é administrado de forma mais profissional, e dentro de campo tem dado resultado. O desafio agora é montar uma equipe que consiga em 2014 honrar novamente a tradição do clube na disputa da Série A do Brasileirão.

Crédito da foto: Leandro Moraes/UOL

Em tempo:
Acompanhe tudo sobre o Palmeiras no UOL Esporte

Veja a lista das matérias que fiz pelo UOL na minha página pessoal:

Anúncios

Gostou do texto? Achou ruim? Dê sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s