Estamos vendo a ressurreição do Valdivia?

Padrão

Valdivia

Confesso que tenho visto o Palmeiras em campo menos do que gostaria, por isso não vou me arriscar a fazer uma análise mais profunda.

Mas fiz uma pesquisa rápida aqui na página do UOL Esporte para tentar explicar a questão do título deste post e percebi que, dos seis relatos das partidas que o Valdivia esteve em campo depois que retornou de um período de 100 dias inativo por lesão, três ressaltavam a sua atuação acima da média.

Palmeiras 4 x 1 ABC (link do relato)

Figueirense 2 x 3 Palmeiras (link do relato)

Palmeiras 2 x 1 Bragantino (link do relato)

Isso sem contar que, na goleada sobre o Icasa por 4 a 0, Valdivia entrou aos 20min do segundo tempo e deixou Ananias e Alan Kardec em boas condições de marcar, mas só o segundo acabou balançando as redes após uma assistência sua.

Na vitória sobre o São Caetano nesta terça-feira, ficou clara a falta que Valdivia fez no time do Palmeiras.

Por isso volto a fazer a mesma pergunta: estamos vendo a ressurreição do Valdivia com a camisa do Palmeiras?

Os indícios estão cada vez maiores na direção de uma resposta positiva para esta pergunta. O meia engatou a maior sequência com a camisa do Palmeiras neste ano (seis jogos), que só foi interrompida por uma decisão (acertada,
diga-se de passagem) da comissão técnica.

Em campo, Valdivia tem demonstrado uma performance acima da média, digna da sua melhor época no Palmeiras, em que comandou a campanha que rendeu o título paulista de 2008.

Além disso, Valdivia:
– Tem falado menos, reclamado pouco e evitado polêmica
– Mostra uma dedicação incomum nos treinos
– Parece mais à vontade em campo

“Ah, mas na Série B é obrigação”, argumenta o torcedor mais irritado com Valdivia por todos os problemas que ele já trouxe ao Palmeiras.

Até concordo em parte com a afirmação. Por isso, para realmente confirmar a sua ressurreição no Palmeiras, Valdivia precisa manter a sequência de bons jogos sem se lesionar e conseguir desempenhos acima da média também contra adversários mais qualificados.

Crédito da foto: Rodrigo Capote/UOL

Em tempo:
Acompanhe tudo sobre o Palmeiras no UOL Esporte:

Veja a lista das matérias que fiz pelo UOL na minha página pessoal:

Anúncios

Gostou do texto? Achou ruim? Dê sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s